quarta-feira, 24 de janeiro de 2007

Assim acabou.

Afeiçoei-me a uma nova técnica: Pintar com canetas de feltro!
É que é mesmo giro!

Depois há sempre aquelas cores que escorregam melhor do que outras e aquele barulhinho que elas fazem ao roçar no papel, faz-me recordar o passado… depois no final da obra de arte estar feita, quando olho para as minhas mãos completamente rabiscadas ainda me recordo mais desses belos tempos que já lá vão e bate uma saudade dos meus legos, da minha bicicleta, das minhas bonecas desmembradas, da minha gaveta do “lixo” (era uma gaveta fantástica com montes de recortes de coisas giras que via nas revistas e outras bugigangas), sei lá… o tempo passa.

1 comentário:

dina disse...

o resultado está lindo, mas eu quando pinto com cabeta de feltro a única coisa que consigo é ... pintar as mãos todas e por vezes até a cara.
e claro, só penso shiii estou a gastar a caneta toda
e o pior que me podem fazer é estar a escrever sem tinta :)
quando era pequenina, lembro-me que gostava de pintar com canetas mas o problema era o mesmo encher grandes espaços :)