terça-feira, 15 de julho de 2008

Vazio


17 comentários:

dina disse...

gosto da miúda, tem um aspecto de "pronta a ser abraçada" e deve estar desesperada :) a pensar em peixes mortos? e a olhar para bébés nús?
ui

já agora, só vou uma semaninha e nine, não levo portátil.
já agora, não indo tu de férias :) que tal aumentares a produção, hem?

liliana_lourenco disse...

:)

Não aumento produção nenhuma que é para aprenderem!

Devem pensar que vão todos de férias, lalala, 'vá de férias cá dentro, vá de férias lá para fora', e eu fico aqui a trabalhar que nem uma mula, para quando voltarem das férias terem coisas lindas para ver?? Era bom não era? MAS NÃO VÃO TER! Toooooooomaaa!!! :p

.. :) Vá, boas férias!

Vais para a Praia? Não te esqueças de espalhar bem o protector no puto! Ele sabe nadar? (Eu não sei..)
Se ele também não souber, não saias de ao pé dele um minuto que seja! :)

**

Azelpds disse...

Esta ilustração está surreal nos mais diversos aspectos, incluindo na conjunção de cores.

Entrando na noia, até daria para criar uma história de uma rapariga que olha para o irmão mais novo no chão, enquanto pensa em peixes e noutros tempos em que a sua vida era diferente antes do nascimento da criança.

hmm hmm hmm

liliana_lourenco disse...

.. sempre a magicar novas histórias nessa cabeça. :)

'hmm hmm hmm'

:D :D

**

7ze disse...

Enfim! Um discurso! Nunca acreditei: a Liliana é mais reflexiva; só estava a ver o balão de «pensar». Discurso desadequado, mas discurso.

A contradição mantém-se, relativamente ao título: o conteúdo é tudo menos VAZIO, há antes uma forte intencionalidade...

Dina: a nina não está a olhar para trás (se bem que se sinta que sabe o que lá está); e não são peixes, é um tubarão (e não está morto).

Azel: não é o irmão mais novo. Com aquele ar de quem não quer a coisa, a menina conseguiu induzir-te em erro; ela está a descrever um objecto de forma manifestamente falsa (será que tem consciência disso?).

Boa, Liliana!

liliana_lourenco disse...

7ze: :) :)


[Obrigada pelo comentário.]

**

7ze disse...

Azel:

Quando nasceu a minha irmã, ainda não tinha dois anos, fiquei um bocado incomodado; para me vingar de ter deixado de ser o centro do mundo, fiz um desenho. A minha mãe veio, disse as macacadas do costume «Ai, está tão giro!»; «É o quê?» respondi eu: _É um leão! e ela «Então e para quê?» e eu: _Para comer a minha irmã!

Podia perfeitamente ser como tu dizes. Eu é que tenho uma leitura viciada das fontes de inspiração da Liliana.

Sofia disse...

Alô Lily,

Pois este teu último desenho atingiu-me como um soco, deixou-me fascinada e inspirou-me em vários aspectos. Congrats!

Comecemos pelo primeiro: andava eu já há muitas semanas à procura de uma imagem para o meu perfil, tentei de tudo: fotos de rosto, partes de mim, corpo inteiro; procurava qqer coisa que quem me conhecesse pudesse logo identificar comigo e quem não ficasse ao menos curioso... pois uma constante na minha vida desde que me conheço como gente é ter tido sempre sapatos e botas coloridos, posso até ser monocromática a vestir mas os pézinhos têm que ser alegres e marcar a diferença!

O segundo: o sentimento e a identificação foram tão fortes que nasceu um texto, passa pelo meu blog, tem o mesmo título que o desenho, espero que gostes e que as palavras não desiludam o teu traço :)

Já não é o primeiro desenho teu que desperta tanto em mim, é um privilégio descobrir-te.

Stay beautiful and happy as always, I'll be around.
see you soon
§

liliana_lourenco disse...

7ze:

:D Eheh!
Bela história! Eras um puto simpático já estou a ver.. :)

Eu como fui a última (tenho 5 irmãos! Oba oba!) não passei por cenas dessas.

A mim coube-me apenas chegar e conquistar o meu lugar ao pé deles, que já cá estavam.

Mas sei por exemplo que a minha irmã (com 5 anos na altura) não gostava de mim e recusava-se a tomar conta de mim porque queria que a minha mãe tivesse trazido um bebé branco do hospital.. (pretinha racista de um raio! Como se ela fosse branca??) :p :p :p

[não te vicies.] :)

**

Sofia:

Um soco??... Bolas, desconhecia tamanha força/violência no que faço! :)

É sempre estranho (e muito bom) ouvir da 'vossa' parte que determinado trabalho vos fez sentir isto e aquilo, já que à partida não os faço com essa intenção.

É mais uma partilha e às vezes pequenos desabafos. O que não consigo dizer com palavras como tu, Azel ou Soya, digo-o da forma que consigo. :)

Mas eu é que agradeço Sofia... e agora vou pintar as bochechas de vermelho para poder ficar corada! :D

Vou passar pelo teu blog sim!
Passo por lá mais tarde.
Até já! :)

**

Sonia M. disse...

Hoje tb me sinto assim

liliana_lourenco disse...

.. assim como 'vazia'?

Vais ver que amanhã já te sentes cheia de ideias e novas inspirações para o que de novo se aproxima. :)

Boa sorte com isso! :)

**

Sofia disse...

Sweet Lily:

Thx pelo interesse, pela rapidez com que me foste ler e pelas palavras bonitas que me deixas-te!

Sobre a força dos teus trabalhos, para ti que os crias é uma expressão natural do teu imaginário, o teu processo mental imagino eu que seja o antes e o durante o processo e que uma vez acabado o desenho fiques "em paz".
Não digo que seja intencional, mas sim, há desenhos teus muito fortes que suscitam imensos tipos de emoções, claro que é subjectivo e apenas de quem os vê e com eles sente algo.

Habitua-te à ideia porque eu acho que vais continuar a ouvir muitos comentários do género pela vida fora, sobre os teus desenhos!

E já agora, projectos para exposição? Há medida que vou passeando pelo teu blog fico com a ideia que aí por casa deve haver muitos mais, daqueles que guardas só para ti... estarei longe?

Até à próxima
§

Sofia disse...

Ai que erro!

e esta coisa não dá para voltar atrás e emendar:
eu quis escrever "À medida" e não como apareceu...

é da hora, vou dormir

soninho, muito soninho

§

liliana_lourenco disse...

:)

Sofia, sinto-me lisonjeada com as tuas palavras.

É bom receber críticas acerca do que fazemos. E para mim as críticas são sempre boas e importantes. De entre outras coisas, ajudam-me a repensar ideias..

Quanto ao tema Exposição, já algumas vezes falado aqui e fora daqui.. pois.. por acaso é algo que até me imagino a fazer. Um dia quem sabe. :)

E se tenho alguns trabalhos guardados? Tenho, claro que tenho, mas a maior parte deles estão na cabeça mesmo. Assim se um dia acontecer uma catástrofe, se o meu pc arder, se os meus cadernos arderem, se tudo arder menos eu, restam-me sempre alguns trabalhos. :)

Obrigada pelo comentário e por essa pergunta, que sinceramente para mim, acaba por ser um grande elogio. :)

[ E deicha lá Sufia! Eu fartú-me de dar erros tambeim! Aqui ninguém liga a iso! :) ] :D

Beijinhos!

**

dina disse...

pois, eu é que ia de férias, hem?
já voltei e por aqui estamos na mesma

Sofia disse...

:)

§

liliana_lourenco disse...

Dina:

Sempre a refilar, sempre a refilar, sempre a refilar!!! :D :D :D Mau!

:p

**

Sofia:

:)